Sebastião rebate Anderson Ferreira: Causa surpresa o desconhecimento sobre a obra

O deputado federal licenciado e secretário estadual de Transportes, Sebastião Oliveira (PR), rebateu as críticas do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), a respeito da requalificação da BR-101. Por meio de nota, o titular da pasta afirmou que “não há equívoco no início das obras”, mas que há “um grande equívoco na fala do prefeito”.

No documento, o secretário afirma que não é verdade que as obras em Jaboatão começarão daqui a dois anos e nem que o trecho que compreende a Vitarella pertence ao objeto que será executado pelo DER-PE. Segundo Oliveira, ele está fora do escopo da licitação, “o que mostra um profundo desconhecimento do prefeito sobre a obra”.

“A obra inicia a partir da descida do viaduto da Coca-Cola. Esse trecho que o prefeito cita encontra-se há 30 dias sendo beneficiado por obras emergenciais, que, inclusive, seguem em andamento. O investimento de aproximadamente R$ 10 milhões é oriundo do DNIT. Parece que o prefeito não tem trafegado por lá. As obras compreendem drenagem profunda e restauração de pavimento, o que, obviamente, não nos permite a intervenção definitiva neste momento”, escreve.

O secretário, que é presidente do PR, mesmo partido de Anderson Ferreira, ainda criticou o correligionário. “O que me deixa pasmo e estarrecido é que a indicação do presidente do DER-PE, que é o interveniente executor desta obra, é de total confiança do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira. Não apenas este cargo. Causa surpresa o seu desconhecimento sobre a obra, já que a assessoria de comunicação também é uma indicação sua”, afirma Sebastião Oliveira.

Leia a íntegra da nota:

Em relação à tão esperada requalificação da BR-101 é importante esclarecer que não há equívoco no início das obras, porém, há sim, um grande equívoco na fala do prefeito. Vamos aos fatos:

Não é verdade que a Setra divulgou o cronograma de obras à imprensa. A divulgação sobre a requalificação da BR-101 feita aos veículos de comunicação nas últimas 24 horas partiu do DNIT/PE. 

2. Não é verdade que as obras em Jaboatão começarão apenas daqui a dois anos, pois o compromisso do Governo do Estado é concluir todos os serviços até 31 de dezembro de 2018.

3. Não é verdade que o trecho que compreende a Vitarella pertence ao objeto que será executado pelo DER-PE, pois está fora do escopo da licitação, o que mostra um profundo desconhecimento do prefeito sobre a obra.

4. A obra inicia a partir da descida do viaduto da Coca-Cola! Esse trecho que o prefeito cita encontra-se há 30 dias sendo beneficiado por obras emergenciais, que, inclusive, seguem em andamento. O investimento de aproximadamente R$ 10 milhões de reais é oriundo do DNIT. Parece que o prefeito não tem trafegado por lá. As obras compreendem drenagem profunda e restauração de pavimento, o que, obviamente, não nos permite a intervenção definitiva neste momento.

5. A obra foi licitada em RDCI, onde a empresa vencedora do certame licitatório é quem apresenta o plano de ataque da obra. Talvez o prefeito desconheça essa modalidade de licitação tão utilizada pelo DNIT.

Por fim, o que me deixa pasmo e estarrecido é que a indicação do presidente do DER-PE, que é o interveniente executor desta obra, é de total confiança do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira. Não apenas este cargo. Causa surpresa o seu desconhecimento sobre a obra, já que a Assessoria de Comunicação também é uma indicação sua.

Espero ter esclarecido os fatos.
Como pernambucano estou feliz por Jaboatão, Recife, Paulista, Abreu e Lima e todos que trafegam por essa importante via. O que era motivo de angústia será de orgulho aos pernambucanos. Em meio a maior crise financeira do País, o governo de Pernambuco inicia uma obra de R$ 193 milhões.

Parabéns ao governador Paulo Câmara , às equipes do DER-PE e do DNIT e ao ministro dos Transportes, Maurício Quintela, por ter garantido essa importante conquista.

Deputado federal licenciado
Secretário Estadual de Transportes
Sebastião Oliveira

Procon-PE orienta como quitar débitos durante a greve dos Correios

Trabalhadores dos Correios em Pernambuco deflagraram, na noite de terça-feira (19), greve por tempo indeterminado. Com isso o consumidor pode ser afetado diretamente, com atrasos de boletos de pagamento e encomendas. Por isso, o Procon estadual divulgou algumas orientações para quitar débitos durante a paralisação.

O órgão recomenda que os consumidores entrem em contato com as empresas antes do vencimento da fatura e solicitem outros meios e formas para efetuar o pagamento. Elas devem disponibilizar alternativas como internet, débito em conta, código de barras, sede da empresa ou casas lotéricas.

Caso o fornecedor não ofereça outros meios para o cidadão realizar o pagamento das contas, o consumidor deve documentar esta tentativa de quitar o débito, podendo registrar uma reclamação contra a empresa no Procon. A precaução é para barrar a cobrança de eventuais encargos e evitar que seu nome seja enviado aos serviços de proteção ao crédito.

Jornalista atingindo em tiroteio apresenta melhora, diz boletim

Boletim médico divulgado na manhã desta quarta-feira (20) aponta uma “ótima evolução clínica” do jornalista Alexandre Farias, 39 anos, que foi atingido por uma bala na cabeça durante tiroteio entre bandidos e policias em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. O paciente está internado na Unidade de Terapia Intensiva da Unimed Caruaru com quadro clínico estável, contudo grave.

Este é o quarto dia de internação do jornalista na unidade, e hoje começou o desmame da sedação profunda. Ele está respirando com ajuda de aparelhos e alimenta-se através de sonda. As funções renal, pulmonar, hepática e cardíaca estão normais. Segundo o hospital, uma nova tomografia do crânio foi realizada nesta manhã onde se constatou nova melhora no edema cerebral comparando as tomografias anteriores.

O jornalista estava indo para casa quando foi baleado por uma troca de tiros no Alto do Moura, em Caruaru, na noite do último sábado (16). Na segunda-feira (18), José Ranieri de Oliveira Simões, 32 anos, Vagner Santos Figueiredo, 30, e Victor Luiz Bezerra da Silva, 20, foram presos em um sítio na Zona Rural do município. Durante a operação policial, Igor Alves do Nascimento morreu.

No dia seguinte, o quinto suspeito de envolvimento no tiroteio foi preso também em Caruaru. Jefferson Santos da Silva, de 22 anos, era foragido de Alcaçuz, maior penitenciária do Rio Grande do Norte, assim como os outros três homens presos e o morto. Ele disse à polícia que fazia parte do Primeiro Comando da Capital (PCC) e que na rebelião de Alcaçuz, que ocorreu no dia 14 de janeiro de 2017, matou mais de 100 pessoas junto com o resto do grupo.

Associação criminosa
O homem que abrigava Jefferson em casa era padrasto do suspeito que morreu ao trocar tiros com a polícia. Pedro Guilherme da Silva Filho, 57 anos, não participava dos assaltos realizados pelo grupo, mas será indiciado por associação criminosa e será apresentado na audiência de custódia também nesta quarta, onde a Justiça decidirá se ele será preso ou se vai responder em liberdade.

Secretário diz que 3 mil policiais vão reforçar a segurança de Pernambuco até 2018

O secretário de Defesa Social de Pernambuco (SDS), Antônio de Pádua, informou, nesta quarta-feira (20), que 3 mil novos policiais estarão nas ruas até março de 2018. A declaração ocorreu após a visita de seis deputados da bancada de oposição da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Os parlamentares protocolaram um pedido para que o Estado solicitasse o apoio da Força Nacional para combater a criminalidade no município.

No entanto, o secretário garantiu o reforço da Força Nacional no Estado é desnecessário, já que o efetivo vai reforçar a segurança de Pernambuco. “Nós agradecemos a oferta das Forças Armadas, mas, realmente, nós não necessitamos aqui, em Pernambuco, utilizar as Forças Armadas para nossa segurança pública”. Segundo Pádua, ao todo, 1,5 mil novos policiais vão se formar nesta quinta-feira (21). Outros 1,3 mil até janeiro do próximo ano.

O secretário ainda informou que, até janeiro de 2018, o efetivo da Polícia Civil também receberá um reforço no efetivo de mais 1,1 mil novos policiais. No encontro desta quarta. a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, apresentou ao Governo do Estado a “Carta de Caruaru”, que elenca ações de apoio ao plano municipal “Juntos pela Segurança”, lançado na última terça-feira (19), na cidade do Agreste.

 

“Não há nenhuma consideração sobre isso. Serão mais de 3000 policiais até março de 2018. É um número bastante expressivo, e ,com esse contingente, nós teremos condições de atender às nossas demandas. E o governador já anunciou e autorizou que mais 500 policiais, pelo menos, sejam contratados todo ano”

“Nos últimos três meses já sentimos uma diminuição na violência. Já estamos fazendo ações próprias de policiamento integrado das polícia.”

“Caruaru já está sendo objeto de reforço. Hoje nós temos uma operação integrada, chamada força no foco, que objetiva fazer prisões de homicidas, de traficantes”

“Estamos com a operação Monte Seguro acontecendo lá em Caruaru justamente para prender também traficantes e homicidas. Só hoje já foram presos um homicida e um traficante de drogas em Caruaru. Temos a operação chamada Honi. Temos GATE, te

“Nós contratamos já 15 engenheiros que já estão circulando por Pernambuco, identificando as situações das delegacias, dos batalhões, fazendo relatórios, para que a gente possa retomar as licitações e melhorar essas localidades para que o policiamento possa exercer seu trabalho ainda melhor do que já está fazendo”

Apesar de derrota, Sport se classifica na Sul-Americana

A inédita classificação do Sport para as quartas de final da Copa Sul-Americana exigiu bastante suor. O torcedor rubro-negro tem se acostumado com este cenário na competição. E apesar de ter sofrido o gol que deu calor ao jogo, ainda no início do primeiro tempo, o Leão passou por parte da primeira etapa, e todo o segundo tempo, com um jogador a mais. O placar de 1×0 para a Ponte Preta, nesta quarta-feira, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, no entanto, não foi suficiente. Agora, os Rubro-negros enfrentarão o Junior Barranquilla/COL. As datas deste confronto ainda serão definidas pela Conmebol. O primeiro jogo será no Recife e o segundo em Barranquilla.

Tem sido a tônica do Sport na Copa Sul-Americana. Enquanto consegue construir uma boa vantagem em seus jogos na Ilha do Retiro, as saídas do Recife têm atraído a equipe muita intranquilidade. Foi assim contra o Danúbio/URU, o Arsenal de Sarandí/ARG e, ontem, contra a Ponte Preta. O 3×1 construído na última quarta-feira dava ao Leão a vantagem de até perder por um gol de diferença para confirmar a classificação. O que nenhum Rubro-negro deseja era que este tento adversário fosse convertido tão cedo na partida. Ele, no entanto, aconteceu. Aos 16 minutos, Renato Cajá cobrou falta e a bola desviou na barreira. Na sobra, Lucca escolheu o canto do goleiro Magrão e estufou as redes.

Tudo aconteceu justamente com o Sport aparentemente controlando a partida. A equipe tinha maior posse de bola e não sofria perigos defensivos. Mas o gol aconteceu. Com relação à postura dos adversários, a partida pouco mudou. O Leão continuou com a bola, enquanto a Macaca era mais aguda – a necessidade pelo resultado justificava tal atitude. Até que aos 34 minutos do primeiro tempo, um lance capital abriu um caminho de esperança para os Rubro-negros. Após entrada em Mena, Nino Paraíba tomou o segundo cartão amarelo no jogo e foi expulso. Com um jogador a mais, o Leão chegou a ser mais presente no campo de ataque. Mas o resultado de 1×0 foi levado para os vestiários.

Na volta para o segundo tempo, o técnico Vanderlei Luxemburgo abriu mão de um dos seus laterais esquerdos para a entrada do meia Thomás. Saiu, assim, Sander, e Mena foi recuado para a sua posição de origem. Apesar da vantagem numérica, o Sport não foi tão ofensivo quanto o jogo pedia. Muitos erros de passe evitavam possíveis contra-ataques que poderiam decidir a partida em favor dos Rubro-negros. Por outro lado, a Ponte Preta tentou superar a expulsão com maior vontade em campo. Isso, no entanto, também fez os donos da casa apelarem para a violência. O resultado foi mantido até o apito final, e a classificação confirmada.

STF deve concluir nesta quinta julgamento sobre segunda denúncia contra Temer

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve concluir na sessão desta quinta-feira (21) o julgamento sobre o envio à Câmara dos Deputados da segunda denúncia apresentada pelo ex-procurador-geral da República (PGR) Rodrigo Janot contra o presidente Michel Temer. Até o momento, o placar da votação está em 7 votos a 1 pelo envio. Faltam os votos dos ministros Marco Aurélio, Celso de Mello e da presidente do STF, Cármen Lúcia. A denúncia contra o presidente é de organização criminosa e obstrução de Justiça,

A maioria da Corte segue voto proferido pelo relator do caso, Edson Fachin, e entende que cabe ao Supremo encaminhar a denúncia sobre o presidente diretamente à Câmara dos Deputados, conforme determina a Constituição, sem fazer nenhum juízo sobre as acusações antes da deliberação da Casa sobre o prosseguimento do processo no Judiciário.

O entendimento da Corte contraria pedido feito pela defesa de Temer, que pretendia suspender o envio da denúncia para esperar o término do procedimento investigatório iniciado pela PGR para apurar ilegalidades no acordo de delação da JBS, além da avaliação de que as acusações se referem a um período em que o presidente não estava no cargo, fato que poderia suspender o envio.

O entendimento de Fachin também foi acompanhado pelos ministros Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Ricardo Lewandoski e Dias Toffoli.

Tramitação
Com a chegada da denúncia ao STF, a Câmara dos Deputados precisará fazer outra votação para decidir sobre a autorização prévia para o prosseguimento do processo na Suprema Corte.

Fim do mundo vai ocorrer no próximo sábado, diz teoria

Um novo “fim do mundo” se aproxima neste sábado. Ao menos é o que diz uma teoria apocalíptica formulada pelo numerólogo David Meade, autor do livro Planeta X, que prevê a colisão de um enorme planeta misterioso com a Terra e a consequente destruição da humanidade. O criador da tese, no entanto, já havia tentado divulgar essa mesma história em 2012, mas foi desmentido por um cientista da Nasa, que, na época, chamou de “ridículas” as declarações sobre “um planeta que está, ao mesmo tempo, próximo e invisível”. Segundo o pesquisador, se o planeta existisse e estivesse realmente a uma distância ameaçadora, seria impossível que nenhum astrônomo tivesse notado sua presença.

Meade, no entanto, continua a afirmar que o planeta Nibiru (também chamado Planeta X), que estaria vindo diretamente da fronteira com o sistema solar, vai atingir a Terra neste final de semana. Suas evidências são baseadas em versos e códigos numerológicos da Bíblia centrados no número 33 – exatamente o número de dias entre o eclipse solar do dia 21 de agosto, que ele considera ter sido um aviso, e a data apocalíptica.

Juiz da Lava Jato condena Sérgio Cabral a 45 anos de prisão

O juiz Marcelo Bretas, responsável pela Operação Lava Jato no Rio de Janeiro, condenou nesta quarta-feira o ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB) a 45 anos e dois meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e pertencimento a organização criminosa.

É a maior condenação da Lava Jato na primeira instância em tempo de prisão em regime fechado – até então, as maiores eram as do ex-ministro José Dirceu (PT) e do lobista Milton Pascowitch, que foram sentenciados a 20 anos e 10 meses de prisão em ação sobre recebimento de propina da empreiteira Engevix.

É também a primeira condenação do ex-governador nos processos que tramitam no Rio de Janeiro. Ele já havia sido condenado em junho deste ano a 14 anos e dois meses de prisão pelo juiz Sergio Moro, responsável pela Lava Jato em Curitiba. Ele foi considerado culpado de recebimento de 2,7 milhões de reais em propina na obra do Comperj, o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, com base em provas e depoimentos de delação de executivos da construtora Andrade Gutierrez.

Segundo a sentença desta quarta-feira, Cabral também cobrou e recebeu propina de obras como a expansão do metrô em Copacabana, a reforma do Maracanã para os Jogos Pan-Americanos de 2007, o Mergulhão de Caixas, o PAC das Favelas, o Arco Metropolitano e a reforma do mesmo Maracanã para a Copa do Mundo de 2014.

Com ele, foram condenadas outras 11 pessoa, entre elas a ex-primeira dama Adriana Ancelmo, considerada culpada pelos crimes de lavagem de dinheiro e participação em organização criminosa – somadas, as penas de prisão dela, superam 28 anos.

Em PE, trabalhadores dos Correios entram em greve por tempo indeterminado

Trabalhadores da Empresa de Correios e Telégrafos (ECT) em Pernambuco entraram em greve às 22h desta terça-feira (19) por tempo indeterminado. A decisão foi tomada após assembleias realizadas no Recife, Caruaru, Garanhuns, Caruaru e Petrolina. A paralisação faz parte de uma mobilização nacional que envolve 31 sindicatos.

Nesta quarta (20), o Sindicato dos Trabalhadores da Empresa de Correios e Telégrafos em Pernambuco (Sintect-PE) informou que realizará piquetes pela manhã e, à tarde, haverá nova assembleia em horário ainda a ser definido.

Até o momento, também aderiram à greve trabalhadores de Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Brasília, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Juiz de Fora, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraná, Piauí, Rio Grande do Norte, Santos, São José do Rio Preto, Sergipe, Santa Catarina, Vale do Paraíba e Uberlândia.

Segundo o Sintect-PE, as negociações junto à ECT vêm ocorrendo em Brasília, sem grandes avanços. Além de adiar a negociação por três vezes, a categoria reclama que a empresa retirou cláusulas e sugeriu alterações que ferem direitos dos trabalhadores. O Comando Nacional de Mobilização e Negociação (CNMN) vai permanecer em Brasília para possível diálogo.

“A empresa já tinha essa proposta de retirada de direitos desde o primeiro dia. Vamos estar aqui no sábado, no domingo, qualquer dia que for necessário, mas não haverá nenhum recuo da categoria, vamos negociar na greve”, disse secretário-geral da Federação dos Trabalhadores da Empresa de Correios e Telégrafos (Fentect), José Rivaldo da Silva.

Segundo o Sintect-PE, as alterações e exclusões nas Cláusulas Saúde do Trabalhador foram as seguintes:

– Fim da cláusula 33, que garante o pagamento das remunerações ao empregado inapto para o retorno ao trabalho, enquanto ele aguarda julgamento de recurso no INSS;

– Mediação no TST da cláusula 28 (plano de saúde);

– Redução dos dias de ausência remunerada para levar dependentes ao médico e redução da idade dos dependentes (de 18 para 6 anos);

– Alteração de atendimento psicológico por atendimento psicossocial para vítimas de assaltos;

– Fim da ginástica laboral; e

– Redução do número de cipeiros, evitando que mais trabalhadores tenham a estabilidade provisória.

Indenização pelo período de estabilidade exclui benefício do salário-maternidade

A Turma Nacional de Uniformização dos Juizados Federais firmou tese de que o pagamento de indenização trabalhista à gestante demitida sem justa causa, em valor comprovadamente correspondente a todos os salários relativos ao período em que gozaria de estabilidade, exclui a necessidade de concessão do benefício de salário-maternidade.

O entendimento foi estabelecido, por unanimidade, na sessão do último dia 14 de setembro, realizada na seção Judiciária de Maceió/AL.

O pedido de uniformização foi apresentado por uma segurada contra acórdão da 1ª turma Recursal de SC, que manteve sentença de 1ª instância negando o pedido de concessão de salário-maternidade.

Segundo a mulher, a decisão contraria entendimento da 2ª e 10ª turmas Recursais de SP, de que é possível a concessão do benefício, independentemente do recebimento de indenização no valor referente ao período de estabilidade.

Em seu voto, o juiz Federal Fábio Cesar dos Santos Oliveira, relator do caso na TNU, observou que, conforme a legislação em vigor, o salário-maternidade é benefício devido à segurada da Previdência Social durante 120 dias, com início no período entre 28 dias antes do parto e a data de ocorrência dele, que deve ser pago pela empresa à empregada.

Também por força legislativa, apesar de realizar os pagamentos, o empregador deve receber posteriormente as compensações do INSS, entidade responsável pelo benefício, segundo já decidiu o STJ.

No pedido de uniformização apresentado à TNU, a autora impugnou decisão que entendeu como suficiente a indenização paga pela empresa, em valor correspondente à totalidade dos salários-maternidade do período de 120 dias determinado em lei.

“O pagamento de indenização trabalhista à empregada demitida sem justa causa, correspondente ao período em que a gestante gozaria de estabilidade, exclui o fundamento racional do pagamento do benefício de salário-maternidade, caso reste demonstrado que a quantia paga pelo ex-empregador abrange os salários que deveriam ser recebidos pela segurada no período da estabilidade.”
O entendimento do relator foi seguido pelos demais integrantes da Turma Nacional de Uniformização, que fixou a tese sobre a matéria.

A TNU determinou ainda o retorno dos autos à Turma Recursal de Santa Catarina para adequação do julgado, para aferir se o valor da indenização trabalhista paga correspondia aos salários devidos no período de estabilidade.

CNI propõe simplificação do acesso a recursos do FGTS para saneamento

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) quer a redução do prazo de liberação de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para investimento em projetos de saneamento. Estudo divulgado hoje (19) lista uma série de medidas para reduzir o tempo da liberação.

De acordo com o documento, o tempo médio para as empresas públicas acessarem os recurso é de 27 meses atualmente. Segundo a CNI, a “mera unificação de procedimentos” possibilitaria a redução do tempo médio de repasse para 18 meses, como ocorre com as companhias privadas.

Segundo a confederação, o prazo superior a dois anos entre a apresentação do projeto e o início das obras pode, por exemplo, tornar o projeto obsoleto.

“O prazo de 27 meses é um grande empecilho para o andamento adequado dos projetos e contribui para que ocorram paralisações de obras em projetos de construção”, destaca o estudo.

A CNI lembra que a meta do Plano Nacional de Saneamento Básico (Plansab) é que os serviços sejam universalizados até 2033. No entanto, se mantido o atual ritmo de investimentos, o país só terá cobertura completa de água e esgoto duas décadas depois do previsto, em 2053, aponta a CNI.

A média de investimentos no setor entre 2009 e 2014 foi de R$ 9,3 bilhões, valor consideravelmente inferior à previsão do Plansab, que estabelecia a cifra de R$ 26,8 bilhões só para 2014.

Para universalizar os serviços até 2033 seria preciso elevar a média de investimentos para R$ 15,2 bilhões anuais, acrescentou a entidade.

Entre as sugestões da CNI, estão a criação de um calendário fixo para abertura dos editais, o que daria previsibilidade ao processo, e de um sistema único de apresentação dos documentos voltados para o acesso a recursos do FGTS.

“Tais alterações já seriam um passo importante no sentido de possibilitar que haja um maior planejamento para a apresentação de projetos atualizados e com qualidade além de evitar a desnecessária apresentação duplicada de documentos”, diz a CNI.

A confederação lembra que,segundo o último relatório de gestão do FI-FGTS, emitido em julho de 2016, em dezembro de 2015 o fundo destinou a maior parte dos recursos reservados para infraestrutura a empresas que atuam nos setores de energia (R$ 10,7 bilhões), rodovias (R$ 3,2 bilhões), portos (R$ 2,4 bilhões) e ferrovias (R$ 1,9 bilhão).

O montante para investimentos em saneamento foi de R$ 1,8 bilhão, sendo considerados para o cálculo apenas os projetos em carteira.

Propostas

• Unificar o processo para entes públicos e privados

• Unificar os documentos apresentados e exigidos com uma só descrição para evitar interpretações diversas.

• Estabelecer um calendário anual com a previsão da abertura dos processos seletivos.

• Aperfeiçoar a regulamentação de procedimentos para utilizar os saldos residuais dos contratos para aporte ao valor financiado em outros empreendimentos.

• Atualizar e reduzir a excessiva carga de documentos solicitados pelo Agente Operador/Financeiro,

• Elaborar tabela de referência sucinta

• Apresentar as estimativas do projeto conceitual para cada intervenção e seus respectivos custos orçados de maneira sintética, a partir da tabela referencial do setor de saneamento, contemplando, ainda, custos para adequação e recuperação de estruturas existentes, estudos, projetos, gerenciamento, automação e combate de perdas etc.

• Considerar que, durante as liberações de desembolsos, serão apresentados os projetos detalhados referentes ao que foi apresentado no pedido de desembolso.

• Permitir que os pagamentos referentes ao investimento sejam realizados em qualquer conta antes da contratação.

• Aumentar o percentual de financiamento para a elaboração de projetos e gerenciamento de obras de acordo com sua complexidade e habilitar o financiamento das desapropriações.

• Revisar os procedimentos de forma a desburocratizar o processo de tomada e desembolso de recursos e a pacificação do entendimento sobre o nível de detalhamento da análise feita pelos órgãos controladores e financiadores.

• Permitir que haja uma linha de contingência de até 30% em relação aos investimentos previstos, bem como permitir a correção dos investimentos previstos pela inflação (Índice Nacional de Custo da Construção – INCC).

• Digitalizar a entrega de documentos em um sistema único, de modo a evitar o grande volume de papéis e a necessidade de entregar os mesmos documentos posteriormente em uma agência da Caixa;

• Unificar a opção de financiamento, contemplando diversos municípios, e elaborar um descritivo sucinto das obras e valor estimativo, definindo Sistema de Abastecimento de Água (SAA), Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) e outros. Após as licitações/contratações das obras pelo Agente Promotor, a Caixa analisaria os projetos, orçamento e demais documentos pertinentes e aprovaria o valor/projeto daquela etapa licitada.

Estado de saúde de jornalista atingido por bala perdida é grave

É grave o estado de saúde do jornalista Alexandre Farias, de 39 anos, que foi vítima de bala perdida no último sábado (16), em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Ele permanece internado no Hospital Unimed do município, onde passou por uma cirurgia de mais de quatro horas. Alexandre sofreu perda de massa encefálica.

O jornalista segue em coma induzido e, até o momento, a bala – que está alojada na parte de trás da cabeça – não foi retirada. O projétil não foi retirado por decisão dos médicos, que preferiram não estender a cirurgia. O último boletim, que foi divulgado na noite do último domingo (17), apontava que o quadro era estável, mas muito grave.

O apresentador do telejornal ABTV 2ª edição, da TV Asa Branca, afiliada da TV Globo, foi atingido na testa por um disparo efetuado durante uma perseguição policial. Ele largava do trabalho e seguia para casa quando foi atingido no Alto do Moura. De acordo com nota divulgada pela Secretaria de Defesa Social (SDS), “a polícia perseguia suspeitos de um roubo à residência e a um veículo, mas os suspeitos atiraram no efetivo e atropelaram dois socorristas do Samu e o apresentador de TV”.

Além de Alexandre, também foram vítimas a socorrista Josimere do Nascimento e o motorista do Samu Valderir Antônio do Nascimento. Alexandre, no entanto, é o que apresenta o quadro mais grave. Após a perseguição policial, o Corolla em que estariam os criminosos capotou perto do local do tiroteio.

A SDS informou que “designou o delegado Bruno Vital para estar à frente da investigação da Polícia Civil, que já realiza oitivas. Imagens das câmeras de monitoramento da região também foram solicitadas pela autoridade policial, e a Polícia Científica já trabalha na elaboração do retrato falado dos suspeitos.”

Ainda segundo a SDS, “as polícias de Pernambuco estão trabalhando de maneira integrada, empenhadas na busca pelos suspeitos e que a Polícia Científica já trabalha na elaboração do retrato falado”. Até o momento, ninguém foi preso. Denúncias anônimas que auxiliem o trabalho dos investigadores podem ser feitas no Disque-Denúncia, no telefone (81) 3719-4545.

Da Folha Pe

Acidentes de trânsito deixam dois mortos em Petrolina, no Sertão de PE

Dois corpos deram entrada no Instituto Médico Legal de Petrolina (IML), no Sertão de Pernambuco, neste domingo (17), vítimas de acidentes de trânsito. O primeiro caso aconteceu na Avenida Transnordestina, em Petrolina. O segundo foi na estrada de acesso ao Distrito de Nova Descoberta.

A vítima do acidente na Transnordestida tinha 29 anos. O carro que ele dirigia bateu em um muro. O corpo chegou no IML às 5h25. O homem que morreu em Nova Descoberta estava pilotando uma motocicleta, quando sofreu o acidente. A vítima estava sem identificação. O Corpo chegou no IML às 9h15.

Do G1

Adagro vai contratar 74 técnicos agrícolas

A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro) vai contratar 74 técnicos agrícolas, com salários de R$ 1.635, por meio de seleção pública simplificada. As inscrições, gratuitas, começam nesta segunda-feira (18) e vai até o dia 5 de outubro deste ano.

As vagas podem ser para as agências de Caruaru, Garanhuns, Ouricuri, Palmares, Petrolina, Salgueiro, Sanharó, Serra Talhada, Sertânia, Surubim e Recife Uma portaria autorizado a contratação dos profissionais foi publicada no Diário Oficial do Estado deste sábado (16).

A seleção terá validade pelo período de 24 meses, podendo ser prorrogado por igual período, com carga horária de 40 horas semanas. O processo seletivo será realizado em uma única etapa eliminatória e classificatória, denominada Avaliação Curricular. O percentual de 5% do total das vagas será destinado para pessoas com deficiência.

O candidato precisa ter concluído o ensino médio em Técnico Agricola e possuir carteira de habilitação na categoria B. Deverá preencher o formulário de inscrição disponível no site www.adagro.pe.gov.br e encaminhá-lo à comissão executora do processo seletivo, através de Sedex ou de forma presencial, nos dias úteis, na Adagro, localizada na avenida Caxangá, 2200, no bairro do Cordeiro, Zona Oeste do Recife, no horário das 09h às 12h e das 14h às 16h.

Homem invade residência e esfaqueia três pessoas na zona rural de Salgueiro

Três pessoas foram feridas a golpes de faca na noite do último sábado (16), por volta das 23h, no Sítio Letras, zona rural do município de Salgueiro. De acordo com informações da Polícia Militar, um homem natural de Cabrobó invadiu uma residência e atingiu um dos moradores com golpe de faca no pescoço. Em seguida também feriu outro residente da casa, de 27 anos, com uma facada.

Ainda segundo a polícia, uma terceira pessoa que estava no imóvel tentou intervir, mas foi ferida com uma facada em uma das pernas. Depois de praticar a violência, o homem fugiu do local tomando rumo desconhecido. As vítimas foram socorridas para o Hospital Regional de Salgueiro, onde relataram tudo para a Polícia Militar. A Polícia Civil instaurou inquérito para investigar o crime.

Por Alvinho Patriota

Mercado de trabalho dá sinais de recuperação no segundo trimestre, diz Ipea

A Carta de Conjuntura, divulgada ontem (14) pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), sinaliza o surgimento de novo ânimo no mercado de trabalho, ou seja, evidencia que está começando a ocorrer uma reversão do cenário negativo no setor. A economista do Ipea, Maria Andréia Parente, observou que o cenário do mercado de trabalho, que vinha piorando, deu uma “estacionada” há dois meses e agora, no segundo trimestre, começou a dar sinais de que está se recuperando.

“De forma agregada, a gente viu uma taxa de desocupação caindo, combinando (com) um aumento da ocupação, porque até então você tinha que a ocupação começou a cair menos”. Já no último trimestre móvel até julho, apesar de a ocupação mostrar variação pequena (+0,2%), essa é a primeira variação positiva em dois anos, destacou Maria Andréia. “Então, já é um sinal”.

O aumento da ocupação está ocorrendo no mercado informal. Mas quando se olha o mercado formal, com carteira assinada, há indicativos que o quadro está também melhor. Segundo a economista, um indicativo disso é a redução do ritmo de demissões. “O mercado formal já está demitindo menos. Ele ainda não contrata no agregado. A população ocupada dele ainda está caindo, mas ele está reduzindo o ritmo de demissão”. A taxa de desemprego registrada no trimestre encerrado em julho teve queda de 12,8%.

Maria Andréia salientou que outro sinal positivo do mercado formal é dado pelo rendimento. A análise dos rendimentos por vínculo de ocupação mostra que está no mercado formal a maior alta de rendimentos (3,6%). Por isso, disse que o mercado formal está dando alguns indicativos de que está melhor agora do que no passado recente.

O desalento também caiu, embora com intensidade reduzida; mas já é um sinal positivo. A Carta de Conjuntura mostra que a parcela dos inativos desalentados que achavam que não conseguiriam emprego foi de 44,7% no segundo trimestre, número 2,5% menor que o observado no trimestre anterior. Isso indica aumento da esperança ou confiança em alcançar uma vaga.

”Nesse momento, mais importante do que a intensidade, é a mudança de direção. A taxa de ocupação recua pouco, mas já recua. A ocupação cresce pouco, mas já cresce. O desalento cai pouco, mas cai. Vinha em uma trajetória crescente. Cada vez era maior o número de pessoas que saiam do mercado porque achavam que não tinham condições de conseguir um emprego. O desalento cai no segundo trimestre”, explicou.

Polícia Civil prende cinco suspeitos de estupro coletivo em crianças no Sertão

A Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira (14) cinco suspeitos – quatro homens e uma mulher – de estupro coletivo em duas crianças em Sertânia, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a polícia, entre os presos estão a mãe e o padrasto das crianças de 4 e 8 anos.

Ainda segundo informações da Polícia Civil, os crimes vinham sendo praticados de forma habitual e foram constatados mediante perícia técnica realizada no Instituto de Medicina Legal (IML) no Recife.

Os quatro homens foram encaminhados à cadeia municipal de Sertânia e a mulher, mãe das crianças, foi levada à Colônia Penal Feminina de Buíque, no Agreste.

Do G1

MPPE ingressa com ação de improbidade administrativa contra prefeito de Serra Talhada

O Ministério Público Estadual ingressou com uma ação civil de improbidade administrativa contra o prefeito de Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco, Luciano Duque, por desrespeito aos princípios da administração pública. A ação teve como base auditorias do Tribunal de Contas do Estado, que foram realizadas entre 2014 e 2015. O G1 procurou a prefeitura de Serra Talhada, mas não obteve resposta.

Segunfo informações do MPPE, desde o início da gestão, em 2013, o gestor já obteve a aprovação, por parte do Poder Legislativo Municipal, de 18 leis solicitando autorização para realizar contratações temporárias de 748 servidores sob a argumentação de excepcional interesse público. Baseado nisso, a prefeitura tem conseguido a perpetuação de serviços de natureza temporária, burlando o concurso público.

“Antes da instauração da ação civil, o MPPE havia recomendado ao município que suspendesse a realização dos processos seletivos simplificados, e que apresentasse um cronograma para a realização do concurso público. Entretanto, as recomendações não foram atendidas”, diz o texto da ação.

Fonte: G1

Idoso morre de infarto após ganhar carro de R$ 160 mil em bingo

O aposentado Moises Martins de Oliveira morreu no último domingo (10) logo após ganhar uma caminhonete Toyota Hilux, avaliada em R$ 160 mil, no bingo. O idoso, que faria 63 anos nesta terça-feira (20), participava de um evento no Parque de Exposições de Itapemirim, em Marataízes, no Espírito Santo, quando ganhou o prêmio e teve um infarto.

Como cita o “Extra”, Moises desmaiou no meio de uma multidão de dez mil pessoas e foi levado a uma ambulância, mas não resistiu. Ele estava acompanhado do neto de 10 anos.

O sepultamento aconteceu nesta segunda-feira (11), em Cachoeiro de Itapemirim, onde morou a maior parte da vida.

O automóvel ficará para a família.

Motorista é responsabilizado por acidente que matou cantora do forró

O relatório do inquérito que apurou a morte da cantora paraibana Eliza Clívia, de 37 anos, ex-vocalista da Banda Cavaleiros do Forró, e do marido dela, o baterista Sérgio Ramos, foi concluído na manhã desta quarta-feira (13). Segundo a delegada de Delitos de Trânsito Daniela Lima, as investigações apontam que Clebton José dos Santos, motorista que dirigia o carro da cantora, foi o responsável pelo acidente, que aconteceu em 16 de junho deste ano em Aracaju.

“Podemos concluir com toda a tranquilidade, após exaurir todas as possiblidades de produção de provas através de depoimentos e provas técnicas, que a causa do acidente foi provocada pela entrada do veículo Pálio da via. E concluímos pelo indiciamento do senhor Clebton por homicídio culposo de trânsito e por lesão corporal culposa de trânsito”, explicou a delegada ao “G1”.

Lima contou que ouviu  sobreviventes e testemunhas. Ela esteve em Arapiraca, em Alagoas, para interrogar o motorista, que ainda se recupera do acidente. “Ele não tem memória do choque. Mas tem um relato de momentos antes de que estava utilizando um GPS para se guiar, já que não conhecia a cidade”.

O laudo revelou que o ônibus ia a uma velocidade entre 48 km/h a 62 km/h. O automóvel estava a 22 km/h no momento em que invadiu a preferencial. Os peritos afirmam que o motorista do ônibus levou pouco mais de um segundo para reagir, mas não seria possível evitar a batida, mas se estivesse na velocidade permitida na via, que é de 30 km/h.

O site também tentou contato com o motorista, mas não obteve retorno.